13 Dezembro 2008

Para uma melhor compreensão do fenómeno espanhol, origem do seu rápido crescimento e declínio, aconselho a leitura deste post da VOX.

Ele mostra claramente os riscos que estávamos a correr em Portugal com um crescimento suportado na construção e obras publicas e juros baratos, ao mesmo tempo em que a produtividade era baixa.

Felizmente nos últimos anos a tendência inverteu-se e para isso basta ver as mudanças ocorridas nas exportações portuguesas.

O titulo do artigo "The Spanish trade-off: Bricks vs. brains" também se aplica a Portugal que já iniciou, e deve acelerar, essa transformação.

publicado por RPF às 15:13

mais sobre mim
pesquisar
 
Dezembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9