22 Dezembro 2008

Parece que a GM, e a sua empresa OPEL, já têm uma carro para utilização comercial, movido a hidrogénio.

 

 

Como sempre, nestas novas viaturas, o problema é a autonomia (ainda só 300 Km) e a rede de distribuição (bombas para atestar).

A grande maioria das vezes parece que estes são os grandes obstáculos à entrada e 'massificação' destes novos produtos.

Em Portugal a situação é mais agravada porque os postos de combustíveis existentes são 'financiados' pelas gasolineiras e não existe um verdadeiro mercado autónomo de distribuição.

 

publicado por RPF às 18:13

mais sobre mim
pesquisar
 
Dezembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9