21 Janeiro 2009

Em Espanha já se lançam alertas sobre as capacidades financeiras do futebol, como pode ser lido aqui, e fazem-se previsões sobre o fim de alguns clubes.

Em Portugal andamos alegremente a ver de 'reforços' para as equipas.

As dificuldades financeiras dos nossos clubes vão-se agravar pois a incapacidade de atrair espectadores para o espectáculo, o próprio espectáculo e as polémicas sobre a competência dos artistas (todos eles com maior incidência nos árbitros) vão retirar receitas de publicidade e televisivas.

Quantos dos nossos clubes irão à falência antes de se iniciar o processo regenerativo?.

É que não há negócio que sobreviva no enquadramento que o futebol tem actualmente.

publicado por RPF às 13:53

mais sobre mim
pesquisar
 
Janeiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9