16 Janeiro 2009

Parece que também na UE os problemas e dificuldades vêm das ilhas.

Quando não é a Irlanda é a Grã Bretanha, como podem ler neste artigo do Irish Times.

Cá também tem acontecido o mesmo, por um motivo ou por outro, é daí, por aí ou por isso que nos vêm os problemas.

publicado por RPF às 18:19
tags:

16 Janeiro 2009

Fui alertado para este facto pelo blog Biz Deans Talks, neste post que mostra que a Europa está a dar passos significativos na integração das várias componentes de aprendizagem, no ensino e no seu reconhecimento académico.

Felizmente.

Também em Portugal esses passos tẽm vindo a ser dados com a educação vocacional, profissional e 'ao longo da vida'.

Só não vê quem tem estado distraido.

 

publicado por RPF às 10:23

16 Janeiro 2009

Como tinha referido num post anterior, comecei a ler "O Choque das Civilizações" de Sam Huntington.

Logo no inicio deparei-me com esta passagem:

 

"Pela primeira vez na História, a politica mundial, é ao mesmo tempo multipolar e multicivilizacional. A modernização económica e social não está produzindo nem uma civilização universal de qualquer modo significativa, nem a ocidentalização das sociedades não ocidentais.

O equilíbrio de poder entre as civilizações está-se deslocando: a influência relativa do Ocidente está em declínio, com as civilizações asiáticas expandindo o seu poderio económico, militar e politico, com o Islão explodindo demograficamente ...

... As pretensões universalistas do Ocidente levam-no cada vez mais para o conflito com outras civilizações, de forma mais grave com o Islão e a China.

... A sobrevivência do Ocidente depende dos norte americanos reafirmarem a sua identidade ocidental e dos ocidentais aceitarem que a sua civilização é singular e não universal ...

Evitar uma guerra global das civilizações depende dos lideres mundiais aceitarem a natureza multicivilizacional da politica mundial e cooperarem para mantê-la"

Samuel P. Huntington, in O Choque de Civilizações

 

Considero uma análise resumida, lúcida e inteligente das alterações que estão a acontecer no Mundo e da incapacidade dos dirigentes políticos de a entenderem e lhe fazerem frente com os contornos que tem, e inexoravelmente, continuará a ter.

 

publicado por RPF às 08:49

16 Janeiro 2009

O ensino superior é aquele que mais facilmente se pode adequar às novas tecnologias e potenciar a Web.

E porquê?.

Porque o ensino superior não tem como finalidade ultima o transmitir conhecimentos mas sim o de criar as condições para que os alunos questionem os conhecimentos actuais e sejam capazes de vir a desenvolver os novos.

Este processo pode ser feito em sala, de forma presencial, ou ao ritmo dos alunos via Web.

Como podem ler aqui as Universidades americanas estão a desenvolver, cada vez mais, esta forma de divulgação cientifica, que também tem a vantagem de não deslocar os alunos dos seus locais de habitação ou trabalho, para as suas formações.

E em Portugal?.

Pois, parece que estamos, tirando a Universidade Aberta, quase na mesma.

Não será também esta uma das situações responsáveis pelo atraso do País e desigualdades no acesso à educação superior?.

 

publicado por RPF às 08:19

subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

3 seguidores

pesquisar
 
Janeiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9