27 Agosto 2009

Tariq Ramadan foi despedido pela Universidade Erasmus, em Roterdão, e pela sua Câmara Municipal do seu cargo de professor e de consultor da Câmara, alegadamente pelo seu envolvimento num programa de televisão iraniano.

Os protestos já tiveram inicio, como pode ser lido aqui.

Parece que esta é a actual Holanda que já foi o berço da tolerância e desenvolvimento intelectual, principalmente com Erasmo.

Veio-me à lembrança uma situação que parece similar e que aconteceu na Universidade do Minho, com o Daniel Luis um dos seus professores, também 'dispensado' por um alegado 'crime de opinião'.

Não estaremos, nos dois países, a perder a nossa capacidade de ouvir, entender e aceitar opiniões diferentes e que as verdades actuais não são eternas?

 

 

publicado por RPF às 10:48

mais sobre mim
pesquisar
 
Agosto 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
12

17
18
19
20
22

23