18 Outubro 2008

Enquanto nos entretemos com a nossa riqueza, sim somos ricos comparativamente com outros, estamos despreocupados com os que não têm aquilo que achamos essencial. É verdade, há quem nunca venha a ter uma percentagem insignificante do que temos hoje.

E o olhar para o nosso 'umbigo' é preocupante porque nos esquecemos de ajudar quem mais necessita, ajudando nas condições mínimas e ao mesmo tempo apoiando a criação de condições que levem outros povos à democracia liberal e à riqueza.

Este alerta do Banco Mundial devia-nos preocupar mais do que se o imposto dos carros vai aumentar ou diminuir.

Este 'abandono' mostra bem o estado de egoísmo a que chegámos, desprezando quem nada teve a ver, nem nada ganhou, com a situação actual.

 

publicado por RPF às 12:33

mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9