10 Outubro 2008

As crises económicas são momentos de alteração e adaptação dos mercados, isto é das empresas, dos produtos e dos clientes.

São nesses tempos que empresas 'morrem' e surgem novas.

As que surgem aproveitam as oportunidades abertas com as crises, têm uma atitude positiva na crise e agem.

São o futuro e o sucesso, até uma nova fase de adaptação dos mercados.

Este exemplo que surge no meio da crise do subprime mostra o que referi.

publicado por RPF às 08:20

10 Outubro 2008

A Administração Publica, em Portugal, não utiliza para si própria os mesmos critérios de rigor e 'vrelocidade' que impõe aos outros.

É verdade. A Administração Publica portuguesa é má e autoritária. Impõe que todas as entidades, individuais e colectivas, sejam rigorosos no cumprimento das suas obrigações e o façam em prazos 'apertados'. Para si nada, coitados, só fazem quando puderem.

Esta 'Catilinária' tem como base o facto do meu filho ter efectuado, com aprovação, o exame de condução que o habilita a conduzir veículos automóveis, no dia 10 de Setembro.

E pode conduzir?. A resposta é NÃO. Parece caricato, quando no meu tempo e após o exame era logo entregue a respectiva guia que habilitava a conduzir, que na era da informática se tenha de esperar um mês, vamos ver até quando, que a 'bu(r)rocracia' (não, não foi erro tipográfico) entenda emitir o certificado que permita conduzir.

Parece que estamos a andar para trás, ou então o poder da Administração Publica, coitadinhos, é tremendo e esmaga os cidadãos.

 

 

publicado por RPF às 08:14
tags:

subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

3 seguidores

pesquisar
 
Outubro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9