06 Outubro 2009

A situação económica do país é mesmo um grande sarilho, e parece não estarmos a promover as medidas indispensáveis, e duras, que terão de ser tomadas, mais tarde ao mais cedo, para a resolução.

Parece que podemos aplicar uma frase muito na moda : 'estamos a hipotecar as gerações futuras (já agora também uma parte da actual)'.

Este artigo, "Como vamos sair deste grande sarilho", de Nicolau Santos no Expresso, merece ser lido porque apesar dos dias que já se passaram, continua actual.

publicado por RPF às 11:20

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

3 seguidores

pesquisar
 
Outubro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

15